Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ken Follett

por naomedeemouvidos, em 16.07.17

“Os Pilares da Terra”, “Um Mundo Sem Fim”, “A Queda dos Gigantes”, “O Inverno do Mundo” e “No Limiar da Eternidade”. Magnífico. Im-per-dí-vel!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:50

José Saramago

por naomedeemouvidos, em 16.07.17

Leio (ou li, melhor dizendo) tudo, praticamente, de José Saramago. Desde os tempos do “Memorial Convento”, que não me custou assim tanto. Sempre achei fascinante como José Saramago consegue, conseguia, do aparente "nada" construir narrativas arrebatadoras.

O meu livro preferido é o “Ensaio Sobre a Cegueira”. E a “Caverna”. E “As Intermitências da Morte”. E “Caim”. E “O Evangelho Segundo Jesus Cristo”, cuja leitura tive que reiniciar umas quantas vezes até me entender com as “Marias”. E “A Jangada de Pedra”. E "Todos os Nomes". E…esses todos também!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:43

Guerras Sujas, Jeremy Scahill

por naomedeemouvidos, em 16.07.17

“Guerras Sujas” é um murro no estômago. Imagino que não haja “guerras limpas” e suponho que seja ingénuo pensar que as nações e os políticos pensam, verdadeiramente, em servir os seus semelhantes…

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:32

Os Maias, Eça de Queirós

por naomedeemouvidos, em 16.07.17

Periodicamente, releio "Os Maias". É assim como uma espécie de penitência por ter odiado a obra (como 99,99% dos adolescentes...) quando fui obrigada a lê-la, nos tempos de escola. "Odiado" é capaz de não ser bem o termo, mas, na altura, três páginas de descrição do "Ramalhete" era mais do que o meu ânimo podia suportar.

Mas é uma “penitência” cumprida com um enorme prazer, por isso, se calhar não vale.

Agora, perco-me naquela casa. Se fechar os olhos, sou capaz de ver “o renque de estreitas varandas de ferro do primeiro andar”… E dou por mim à espera que, um dia, o final seja diferente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:06

Sucesso

por naomedeemouvidos, em 16.07.17

"Sucesso é a capacidade de ir de fracasso em fracasso sem perder o entusiasmo."

Winston Churchill

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:16



“Nada na vida deve ser temido; apenas compreendido.” Marie Curie.

É só o que eu acho...

"A idade não traz só rugas e cabelos brancos." E, como digo ao meu filho, "Nem sempre, nem nunca."

Sou mulher, pelo que, metade(?) do mundo não me compreende. Tenho opinião sobre tudo e mais alguma coisa, pelo que, na maioria das vezes estou errada. E escrevo de acordo com a antiga ortografia, pelo que, não me dêem ouvidos...

Eu Sou Assim

Idade - Tem dias.

Estado Civil - Muito bem casada.

Cor preferida - Cor de burro quando foge.

O meu maior feito - O meu filho.

O que sou - Devo-o aos meus pais, que me ensinaram o que realmente importa.

Irmãos - Uma, que vale por muitas, e um sobrinho lindo.

Importante na vida - Saber vivê-la, junto dos amigos e da família.

Imprescindível na bagagem de férias - Livros.

Saúde - Um bem precioso.

Dinheiro - Para tratar com respeito.


Layout

Gaffe


Arquivo



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.