Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A eleição que se avizinha nos EUA é importante ou não para o mundo tal como nós, ocidentais, o conhecemos?

Por um lado, Hillary Clinton que muitos acusam de não ser a candidata ideal à Casa Branca, em grande parte, parece, por sofrer dos mesmos males que os políticos em geral, imagine-se! Parece que usou um servidor privado para trocar e-mails confidenciais, colocando, assim, em risco a segurança do país. Parece que é suspeita ou acusada de ter patrocinado forças armadas russas. Parece que mentiu perante o Congresso e, muito pior, parece que perdoou a traição do marido com a mais famosas das estagiárias.

Do outro lado, temos Donald Trump. Que muitos, americanos ou não, consideram que, sem dúvida, deve ser eleito. O homem que promete devolver a segurança aos Estado Unidos, afinal, tem a grande vantagem de não ser cínico e dizer a verdade! A gravidez das mulheres é um empecilho para os empregadores? Claro que sim! Aliás, a gravidez é uma escolha! Quem manda uma mulher ficar grávida? Então um mundo só com homens não seria ideal? Ah, espera, parece que os homens e as mulheres ainda não nascem de geração espontânea e, de momento, é preciso o ventre de uma mulher para que um feto se possa desenvolver, maldita seja a Natureza!

O problema da falta de emprego são os imigrantes? Claro que sim! Malvados, chegam e ocupam tudo, por isso, o ideal é construir um muro, para já, a separar o México, depois, logo se vê. Não foi Saramago que criou a jangada de pedra? Não tem que ser na Península Ibérica e se tiver, Donald Trump há-de dar a volta ao assunto. Afinal, ele é esperto e sabe usar as leis da Nação!

Ave Trump, cheio de graça, o mundo será um local muito mais seguro quando este homem ganhar as eleições nos Estados Unidos de América! Cambada de ignorantes que ainda não percebeu que Trump será a salvação do mundo ocidental! Qual quê?, do mundo inteiro! “Ele”, e só “ele”, vai acabar com os terroristas, muçulmanos ou não; “ele” vai acabar com os muçulmanos, terroristas ou não; “ele” vai acabar com os imigrantes, brancos, pretos, amarelos, às pintinhas, vai acabar com as mulheres feias e com os homens burros e vice-versa e também, claro!, com os bebés chorões! Vai guiar-nos numa cruzada, iluminada e luminosa, formidável, rumo a uma sociedade perfeita, very clean, very happy, e estes estúpidos todos que só sabem criticar, criticar, criticar e promover campanhas contra o homem! Irra, bando de parvos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:16




“Nada na vida deve ser temido; apenas compreendido.” Marie Curie.

É só o que eu acho...

"A idade não traz só rugas e cabelos brancos." E, como digo ao meu filho, "Nem sempre, nem nunca."

logo.jpg


Eu Sou Assim

Idade - Tem dias.

Estado Civil - Muito bem casada.

Cor preferida - Cor de burro quando foge.

O meu maior feito - O meu filho.

O que sou - Devo-o aos meus pais, que me ensinaram o que realmente importa.

Irmãos - Uma, que vale por muitas, e um sobrinho lindo.

Importante na vida - Saber vivê-la, junto dos amigos e da família.

Imprescindível na bagagem de férias - Livros.

Saúde - Um bem precioso.

Dinheiro - Para tratar com respeito.


Layout

Gaffe


Arquivo



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.